Crassula Muscosa: dicas e cuidados

4.8
(26)

Originária da África do Sul, a Crassula Muscosa é uma planta suculenta do tipo perene que cresce de forma arbustiva – vista de longe, ela parece uma pequena moita. É uma planta ótima quando o assunto é decoração e paisagismo, justamente por ser resistente e ter uma beleza encantadora.

Suas folhas são pequenas e bem características de suculentas, ou seja, bem gordinhas e pontudas. Além disso, tem um verde bem forte, são estreitas e podem se sobrepor umas às outras, dando a impressão de que cada galho da Crassula Muscosa seja mais grosso.

Além de uma planta super tranquila de cuidar, sua beleza é de admirar e ela pode ser usada perfeitamente em decorações internas. Uma curiosidade é que muitas pessoas relacionam as suas formas com a sequência de Fibonacci.

Se você quer saber mais sobre a planta Crassula Muscosa para cultivá-la em casa, continue lendo o artigo abaixo e aproveite as dicas!

Taxonomia da Crassula Muscosa

  • Reino: Plantae
  • Divisão: Magnoliophyta
  • Classe: Magnoliopsida
  • Ordem: Saxifragales
  • Família: Crassulaceae
  • Gênero: Crassula
  • Espécie: C. muscosa

Características da Crassula Muscosa

Imagem: Pinterest

A Crassula Muscosa é uma planta de crescimento bastante rápido e, por isso, pode chegar a 30 cm de altura em pouco tempo. É uma planta ornamental, cujas suas hastes são ramificações delgadas e super densas, devido a grande cobertura pelas folhas.

Junto às folhas, algumas flores podem aparecer de forma bastante estreita. São pequenas, de cor amarela ou castanho-claro e, normalmente, têm 5 pétalas. Infelizmente, as flores da Crassula Muscosa não são cheirosas e o odor pode incomodar ligeiramente.

Uma boa forma de usar a planta Crassula Muscosa é como cobertura para jardim, inclusive, aqueles jardins cujo substrato é coberto por pedras brancas. É uma planta que se dá bem com outras, então, você pode usá-la tanto isolada quanto em arranjos.

É uma planta que tem uma propagação boa e pode ser feita através das sementes ou por estacas caulinares. O ideal é fazer esse processo na primavera ou no verão, épocas do ano nas quais a Crassula Muscosa se desenvolve melhor.

Como cuidar da Crassula Muscosa?

Como já mencionado, a Crassula Muscosa não é uma planta que requer super cuidados e é considerada até bem fácil de cuidar. Acompanhe abaixo mais detalhes sobre os processos!

  • Luminosidade: a Crassula Muscosa é uma planta que pode ser cultivada em sol pleno ou em meia sombra. No entanto, a meia sombra não deve ser exagerada já que a planta tolera pouco a falta de sol.
  • Rega: a rega da Crassula Muscosa pode ser moderada e é preciso tomar bastante cuidado com o excesso de água, já que ela prefere um substrato mais puxado para o seco. Dessa forma, você pode regar uma vez por semana, por exemplo.
  • Solo: o tipo de solo pode ser relativamente fértil, isso porque é uma planta que não precisa de muitos nutrientes para viver bem. Para deixar o solo propício para a Crassula Muscosa, você pode fazer uso de uma mistura para raízes voltada para suculentas e usar um pouco de areia junto também.
  • Adubação: com o solo rico e moderadamente fértil, não é preciso usar adubos na Crassula Muscosa. No entanto, se você preferir, adubos próprios para cactos e suculentas são suficientes.
  • Poda: se a Crassula Muscosa começar a ficar com suas folhas mais amareladas ou secas, é sinal de pouca água e você deve retirá-las. No mais, a poda acaba não sendo tão necessária – a menos que ela esteja muito grande ou crescendo para os lados.

Como cultivar a Crassula Muscosa?

Imagem: Pinterest

O cultivo da Crassula Muscosa pode ser feito através de estacas, sementes ou até mesmo mudas. Normalmente, encontrar essa planta menor para replantá-la costuma ser mais comum, dessa forma, vamos ensinar a como cultivá-la a partir disso.

Siga os passos abaixo!

  1. Compre a muda de Crassula Muscosa – você pode encontrar em floriculturas ou lojas de paisagismo.
  2. Depois disso, prepare o local no qual a planta ficará – o ideal é transplantá-la para um vaso maior logo de início para evitar ficar fazendo esse processo novamente ao longo do tempo.
  3. Encha o vaso com substrato misturado com areia e, junto disso, você também pode inserir um fertilizante (encontrado em supermercados) para suculentas.
  4. Retire a muda com cuidado e coloque em um buraco de aproximadamente 5 cm feito no substrato, depois disso, cubra a Crassula Muscosa com terra e regue-a.
  5. Mesmo durante a fase inicial, você não precisa regar a planta mais vezes. Apenas mantenha o vaso em sol pleno ou meia-sombra e regue 1 vez na semana.
  6. Logo, a Crassula Muscosa começará a crescer e embelezar o ambiente.

E então, gostou desse conteúdo sobre Crassula Muscosa? Se tiver dúvidas, deixe nos comentários. Aproveite o tempo e leia também sobre tipos de arranjos!

O que você achou desse conteúdo?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.8 / 5. Número de votos: 26

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

5 comments

  1. Tenho essa planta e adoro ela más estou tendo problemas com lesmas pequenas que destroem
    Adorei a matéria e gostaria de receber mais dicas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *